domingo, 20 de maio de 2012

Amizade. Verdadeira ou Reciclável?

Ei girls! Sabe, ainda na infância eu era super tímida, e com o passar do tempo fui me dando oportunidades, de conhecer gente nova e fazer novas amizades. Perdi a timidez ao longo do tempo, devido as várias aulas de tudo quanto é coisa, que eu já fiz! Natação, curso de modelo, teatro, etc... Enfim, ainda sou tímida, não tanto quanto antes, mas sou. Tenho uma amiga que vive dizendo: "Cara, você não tem nada de tímida, faz teatro, é a tua cara" , ahaha. Quando estou perto de pessoas que não tenho muita intimidade, sou completamente tímida; mas quando estou com os meus amigos, sai da frente porque eu sou uma louca, boba, retardada, infantil, e todos os adjetivos que encontrarem por aí. 




Hoje em dia, faço amizades com uma facilidade enorme (enorme mesmo, viu?!), adoro conversar, criar novos laços, mas verdadeiros, gosto de ficar perto de pessoas que me fazem rir, de modo que eu fique completamente boba, e que acima de tudo, haja sinceridade e confiança. Eu falo o que penso, e as vezes não penso no que falo. E só depois bate um martelo na minha cabeça dizendo: "Sua burra, olha o que você falou! Dê um jeito agora."  SIM, eu também sei me desculpar e reconhecer meus erros, apesar de ter aquela tal mania de que estarei sempre correta (não tenho culpa, isso é coisa dos librianos), sou super orgulhosa, nunca volto atrás, só em último caso messsssmo! 
Mas, sabe de uma coisa? Os que estão comigo, sei valorizar e reconhecer o que fazem por mim. E quer saber de outra coisa? Tô cansada de tudo. É tanta hipocrisia, falsidade, interesseiros, amizades recicláveis e afins, que preguiça das pessoas... Se quer ser minha/meu amiga(o) me aceite do jeito que sou, não tente me mudar por nada desse mundo, se eu ver que tem algo de errado comigo, alguma atitude que eu tomei e que não foi legal, pode ter certeza que eu mudarei por vontade própria, afinal, mudar pra melhor nunca é demais. As minhas amigas sabem o quanto eu sou companheira, o quanto me importo com elas, e o amor que tenho por essas retardadas. Isso aí, retardadas, nós criamos uma infinidade de apelidos umas pras outras, e isso acontece porque temos intimidade, confiança, sinceridade, e tudo mais que uma amizade saudável precisa ter. 




Acredito que qualquer tipo de relação precisa ser recíproca, caso contrário foda-se. Ou você prefere ficar ali se desgastando e gastando o teu tempo com gente inútil, falsa e tudo mais? Sabe aquela "amiga"  que morre de inveja de você? Do tipo que quando vai te ajudar escolher uma roupa para sair, acaba escolhendo a roupa mais sem graça do teu guarda-roupa? Então, sabe o que ela tem? Inveja, de você sair mais bonita que ela, etc. Aí eu viro pra tu e digo: "Que coisa fútil"  mas realmente é isso, que as garotas me desculpem, mas os garotos tem razão em dizer em que as mulheres se arrumam para outras mulheres. Se arrume apenas para você, se sinta bem consigo mesma, olhe-se no espelho e veja o quanto é linda, e repita quantas vezes forem precisas: "Como eu sou linda! Hoje eu vou arrasar e não vai ter pra ninguém!" lembra do outro post? Amor próprio e auto-confiança? Então, é hora de colocar em prática. De uma coisa eu tenho certeza: garotos amam as garotas que possuem auto-confiança e que acreditem em si mesma. 
Retomando o que eu havia dito, pessoas invejosas são contraditórias, elas te odeiam, mas querem ser como você. Por isso, afaste-se de gente assim. Que tenha poucos amigos, mas que sejam verdadeiros e leais contigo. O que adianta ter 2 mil pessoas em uma rede social, milhões de seguidores, sendo que nem metade são teus amigos? Só por status? Ah vai, que mesquinha, ninguém precisa disso. Vá em busca de novas amizades, fortaleça os laços e seja feliz! 

Eu vivo dizendo que a minha maior vontade é colocar minhas amigas num potinho e proteger, pra nada de ruim acontecer...



Prontos para criarem novos laços e ir em busca de novas amizades? Beijinhos



Por: Thaís Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E aí? Gostaram do post? Comentem, a opinião de vocês é fundamental.